30 janeiro, 2013

É só fase?

O Pititico tá achando que bater é engraçado. Eu fico doida sem saber o que fazer. Antes era a priminha que batia nele e a gente dizia: não pode Isa. Agora as coisas mudaram. A gente fala: carinho com a Isa Pititico, não pode bater.

Ele quer bater em mim também e eu falo:

 - não pode.

- nããão pode.

- nao póde!

Tá, eu não sei o que fazer. Não vou bater nele, CLARO que não. Como vou ensinar que não pode fazendo? Nem dá pra "botar" na cadeirainha de pensamento, kkkkk. O que eu faço? Sério gente. Como vocês fazem, fizeram, é só mais uma fase, me ajudem!

Só pra registrar a nova palavra pipi = pirulito


 O pirulito era enorme, meu irmão disse que achou melhor pra ele não engasgar, kkkkkk.

24 comentários:

  1. Andreia realmente isso é mais uma fase, daquelas chatinhas e dificil de controlar.

    Passei por isso algumas vezes com a Lavinia, quando ela batia em mim ou em outra criança, segurava firme a mão dela e dizia que não podia bater, que aquilo era feio e que deixava as pessoas tristes.. Pra piorar um pouco mais, depois veio a fase de morder, ainda bem que aconteceu poucas vezes.

    Uma dica que me deram e que funcionou ....na hora dar atenção no caso pra criança que ele bateu/ mordeu. Primeiro vc chama atenção dele é claro...

    beijos e boa sorte, que essa fase passe rapidinho por ai! ;)


    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou usar a dica Rê, quem sabe ele se sensibiliza, hehe.

      Excluir
  2. Andreia! Que foto linda, parece até anjinho né?! Por aqui não tive esse dilema do bater, pelo que vejo, menina é muito diferente de menino. Parece que são mais tranquilas, salvo exceções. Mas, o que tenho aprendido (hoje mesmo li um texto sobre o método montessoriano) muito é levar a maternidade de forma descontraída, sem carregar muito peso, nem neuras. Claro que é preciso dizer sim para o filho, não pode, está errado, assim não é legal. Mas sem estresse, entende?!

    Sobre o sorvete de orelha de cavalo, nem me pergunte! Só sei que veio de uma imaginação muito profunda e criativa! rsrs

    Beijão em vocês!

    ResponderExcluir
  3. clichê! mas é fase!
    e passa...
    só falar séria com ele,e explicar que é muito feio e faz dodói..rs comigo funcionou..rs
    aaah, como ele tá lindooo, cada dia mais..
    bjinhos pra vcs a obrigada pelo comentário que vc fez no meu cantinho..ameeei...
    " )

    perolasdealanis.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. que fotos lindas! olha só ja passei por isso, é uma fase chata, e não tem outra coisa a se fazer senão explicar que não pode, dizer que machuca, que vai ficar triste, tentar pela conversa mesmo, sem brigar, gritar ou enlouquecer... rsrsrsrsrs

    ResponderExcluir
  5. Isso passa... O Isaac também fazia isso... E segura a mão dele bem forte, e dizia não pode, mamãe não gosta... Vou ficar triste, só pode fazer carinho... E com isso ele foi melhorando... Bjs
    Vivi e Isaac

    ResponderExcluir
  6. Pititica,
    acho que é por aí... Segurando a mão, falando olho no olho...
    O que faço também é interromper o que estamos fazendo. Se ela está no meu colo e tenta me bater, coloco no chão e falo: vc me bateu, vai ficar no chão. Se estou brincando, mesma coisa.

    Boa sorte!!!

    ResponderExcluir
  7. Que delicia esse pipi ne pititico?rs
    Acho que isso acontece com todas as criancas e tem algumas que mordem tambem.
    Mas eh fase mesmo.Mesmo assim eh legal tentar ensinar que nao pode.
    Beijocas

    ResponderExcluir
  8. O Gustavo já está começando também e parece que quanto mais rígida eu falo que não, mas ele faz. Mas eu falo um sonoro NAO! e passo a mãozinha dele pra fazer carinho e o distraio..
    É que o pititico é maior, mas conversa com ele faz ele prestar atenção nos seus gestos de carinho logo depois q ele bate!

    Bjao!

    ResponderExcluir
  9. Nossa! eu nem sei o que dizer, mas acho que vc tá fazendo certo, dizendo não e ensinando pra ele que não pode bater, que é feio, mas ele tá um fofo com o pipi rsrsrs..lindo!! Percebeu que sumiu minha foto no blogger?, não consigo colocá-la mais, se souber como faz, me avisa tá! bjo

    ResponderExcluir
  10. Oh amiga, aqui o reizinho morde e puxa o cabelos, também estou lutando para conseguir que ele pare com isso, sempre falando de modo firme que não pode, sorte para nós...bjssss

    ResponderExcluir
  11. Andreia, é fase.... e passa rápido, vc vai ver.... é que para nós, mães/pais demora mto a passar, não aguentamos ver o nosso filhotinho batendo nos outros. Mas passa, te garanto!

    Falar firme, demonstrar que não gostou e dar bronca são as coisas que funcionam...

    Beijos e boa sorte!

    ResponderExcluir
  12. Vim aqui fazer um convite especial...

    Passa lá no meu blog pois vai rolar uma blogagem coletiva muito especial, sobre alimentação saudável na infância. Assunto sério e importante, participa com a gente!

    www.asosmamaenadia.com

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Gnt cada dia mais lindão!!!

    Amiga vou ficar de olho aki, qndo vc decobrir vc posta??? rsrs quero saber pois as birras estão cada vez mais constantes e a mãozinha pesada tmbém ta indo pra cima da gnt rsrs

    bjss

    http://historiadeumamae.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Ah, como é difícil quando estes bebês começam a se rebelar...rs
    Eu também torço pra que seja algo passegeiro...
    Bj

    ResponderExcluir
  15. Amiga vou te dizer o que funciona para mim: eu dou chinelada no matheus por cima da fralda sem força, mas com cara de braba. qd desobede só fao "chinelo" e ele sabe, olha pro meu pé e diz "chaine" e me obedece (qs sempre). Com 1a3m com certeza botar srntado não funciona, gritar eu não gosto. Como sei que a chinelada é fraquinha e não machuca, é mais pra impor respeito.

    Bjs e boa sorte1

    http://www.matheusmeucoracao.com/

    ResponderExcluir
  16. Andreia, quando Otávio apronta (nunca foi de bater) seguro ele forte e falo firme, se faz birra dou um sacudão -> foi a pediatra que me incentivou... rsrsrs
    geralmente o sacudão faz ele entender na hora! é tiro e queda! claro que n dou um sacudão - de sacudir - com a força que eu daria num adulto...

    ResponderExcluir
  17. Oi, meu bem... vou te falar o que a mina pediatra me ensinou, ela disse que são 3 coisas:

    1. Segura firme na mão dele
    2. diz não pode
    3. Faz cara séria

    Isso vai acontecer 474765476547654 vezez e em todas elas vc repete as 3 coisas juntas. Ele vai associá-las e ver que vc fala sério. Ah! Outra coisa, nunca ache graça e nem mude de atitude quanto a isso. Ele está te testando e vai fazer até ver seu limite NÃO CEDA.

    Infelizmente, eu não acho que é fase, visto que já vivi meninos de 1/4/7/9 anos (ou até mais) fazendo isso com as mães-molengas que existem por aí...

    Vc tocou no ponto. Isso pra mim é: INADMISSÍVEL.

    E, claro, que não é batendo que ensinaremos não bater. É mostrando autoridade.

    Que Deus NOS abençoe nesse processo de ensino!!


    Beijos pra vcs (Um fofo tá o Petitico com o pipi grandão)

    ResponderExcluir
  18. É assim mesmo e são apenas fases... Cris

    ResponderExcluir
  19. Ai amiga não é fácil não. Mas faço as minhas palavras a da Renata ali no primeiro comentário.

    É uma fase chatinha mas todo mundo passa por ela infelizmente, né?

    Beijos
    Lilia

    ResponderExcluir